logo_selop
Atendimento: lojadojardim@jardimdeflores.com.br  -  (13)  3353.5328 Seg. a sex. das 9:00hs às 12:00hs e de 14:00hs às 17:00hs
Acessar Conta
Para acessar sua conta digite seu e-mail e sua senha nos campos abaixo.
Ainda não tem cadastro? Cadastre-se aqui.

Início > Frutíferas > Limão Siciliano - COLHEITA PRGRAMADA


clique na imagem para ampliar
Mais Fotos
 
Limão Siciliano - COLHEITA PRGRAMADA
Prazo de Entrega: 10 a 15 dias úteis
R$ 38,00



Quer saber o valor do frete?
Entre com seu CEP    
   
Não era o que você procurava?
Envie-nos uma mensagem.
 
 
Características
LIMÃO SICILIANO 
 
Entenda a Colheita Programada: 

Por serem estruturas vivas de armazenamento de nutrientes para o desenvolvimento das plantas, os bulbos* podem perder sua capacidade reprodutiva se ficarem por muito tempo armazenados em estoque.

Pensando nisso, a Loja do Jardim adotou a Colheita Programada para oferecer bulbos sempre com alta qualidade reprodutiva aos seus clientes. Desta forma, são realizadas colheitas a cada 20 (vinte) dias e, nesses procedimentos, faremos a colheita dos pedidos efetuados dentro deste período. Assim, ao efetuar sua compra, é preciso que o cliente saiba que o prazo de entrega informado ao finalizar seu pedido refere-se apenas ao prazo de entrega dos Correios – ou seja, ao prazo que será contado após a postagem do seu pedido e não do prazo a ser contado da compra até a entrega.  Isso ocorre porque é necessário contabilizar,  além disso, o prazo necessário para colheita e entrada dos produtos em  nosso estoque. Saiba Mais AQUI

Sobre a Planta:

Família: Rutaceae
Género: Citrus
Espécie:Citrus limonum

O limão-siciliano foi trazido da Pérsia pelos árabes, disseminando-se na Europa. Há relatos de limoeiros cultivados em Genova em meados do século XV, bem como referências à sua existência nos Açores em 1494.

Séculos mais tarde, em 1742, os limões foram utilizados pela marinha britânica para combater o escorbuto, mas apenas em 1928 se obteve a ciência sobre a substância que combatia tal doença, batizado ácido ascórbico ou vitamina C, a qual o limão proporciona em grande quantidade: o sumo do limão contém aproximadamente 500 miligramas de vitamina C e 50 gramas de ácido cítrico por litro. Atualmente, é uma das frutas mais conhecidas e utilizadas no mundo.

Popularizou-se no Brasil durante a chamada gripe espanhola (epidemia gripal de 1918), quando atingiu preços elevados.

O limão-siciliano tem origem no Sudeste da Ásia, provavelmente no sul da China, ou Índia. Sua história é, por vezes, pouco clara.

Não era uma fruta comum no mundo antigo grego e romano. Vários fatos indicam que uma fruta cítrica parecida com o limão era conhecida, mas não se sabe se era o limão ou a cidra, uma espécie vizinha e muito semelhante, e não existem evidências paleobotânicas. Os gregos utilizavam o limão ou a cidra para proteger as roupas das traças.

As primeiras descrições claras do uso da fruta para fins terapêuticos remontam às obras de Teofrasto, aluno de Aristóteles, que é considerado o fundador da fitoterapia.

No Ocidente, o limão tornou-se mais difundido no ano 1000, graças aos árabes que o levaram a fruta para a Sicília. A origem do nome vem do persa. Na Europa, havia o cultivo de limões-reais em Genova, em meados do século XV. Em 1494, apareceram limões em Açores, enquanto que, na América, o limão e outros cítricos foram levados pelos missionários espanhóis após a descoberta de Cristóvão Colombo.

Os limoeiros são árvores pequenas (não atingem mais de 6 metros de altura), muito ramificadas, de caule e ramos castanho-claros; as folhas são alternas, oblongo-elípticas, com pontuações translúcidas; as inflorescências são de flores axilares, alvas ou violeta, em cacho. Reproduz-se por estacas de galhos, em solo arenoso e bem adubado, de preferência em regiões de clima quente ou temperado.

Propaga-se também por sementes, que requerem solo leve, fértil e bem arejado, em local ensolarado e protegido dos ventos. Frutifica durante todo o ano.
Ao contrário de outras variedades cítricas, o limoeiro produz frutos de forma contínua.

O limão siciliano é o mais antigo do mundo, é também conhecido como eureka ou Lisboa. Sua casca é amarelada e bem grossa e seu formato é alongado. Ele não é muito suculento como os outros, e seu sabor é bem ácido, o que faz dele matéria prima ideal para molhos e para saborizar pratos cheios de personalidade como risotos.

DICAS PARA O CULTIVO EM VASO
Para o limoeiro o ideal são vasos médios ou grandes. O tamanho mínimo ideal para vasos é de 80 cm x 70 cm (altura) ou capacidade de 100 litros, de maneira a permitir que raízes e caule se desenvolvam adequadamente.
Além disso, o fundamental, é a boa drenagem e também a consistência do substrato. Recomenda-se preparar um substrato com a mistura de areia, terra preta e adubo orgânico.
Na hora de plantar é importante observar se a terra não está cobrindo o colo da planta, que é a base antes da raiz. O colo deve ficar exposto para o bom desenvolvimento do vegetal.
Regue a planta regularmente. A água é extremamente importante para qualquer tipo de planta, porém deve-se tomar cuidado para que a quantidade de água não seja excessiva, o que pode causar danos à planta e impedir que as suas raízes se mantenham firmes no solo encharcado.
Mantenha a muda em uma área ensolarada Mesmo sendo uma planta que não se dá bem sob temperaturas muito elevadas, ela deve ser ficar em uma área em que os raios solares possam ser absorvidos com facilidade, isso auxilia em seu processo de fotossíntese e torna os frutos mais saborosos.

Embalagem 1 (uma) unidade muda

Atenção: Recomenda-se a opção de frete pelo SEDEX para garantir a integridade da muda. 

Comentários Sobre o Produto

Comentários:

Este produto ainda não foi comentado:Seja o primeiro.

Perguntas Sobre o Produto
Pergunta:
Nome:
Email:
Estado:
 
 
 
Digite acima sua dúvida e clique em perguntar!
 
Produtos Relacionados